Tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Cadastre-se e receba em seu email as postagens

Pesquisar este blog

Seguidores

Welcome ao Pequinês Curitibano.

Histórias de uma Matilha Urbana. Participe!

Facebook

Quem sou eu

Total de visualizações de página

Top Blog

Pequinês Social Club

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Luxo Pequinês

Uma das principais referências que se faz ao pequinês é o Luxo.

Esta relação é histórica.Desde o início dos relatos quando viviam reclusos na Cidade Proibida já eram os favoritos da família Imperial de Pequim, geralmente andavam na companhia do imperador ou da imperatriz. Faziam parte da escolta real, anunciando a presença do imperador, eram o parâmetro de altura em que todos tinham de baixar a cabeça e afastar o olhar.


Em 1860, durante a Segunda Guerra do Ópio, a mítica Cidade Proibida foi invadida pelas tropas inglesas. Motivo que fez com que cinco Pequineses seguissem viagem até Inglaterra, onde foram introduzidos aos luxos de outra corte, a britânica.

Um casal de cães ficou a cargo dos Duques de Wellington, outro dos Duques de Richmond e Gordon, acabando estes, já com o prefixo de Goodwood, por dar origem à linhagem inglesa. E o quinto “sortudo” foi oferecido à própria monarca, a rainha Victoria, que o batismo de Looty.
  



Já em 1910 a Rainha Alexandra foi  retratada em um carro com um dos pequineses favoritos.




Luxo vem do termo em latim Luxúria, que significa excesso! Talvez esse excesso histórico de troca de duas cortes tenha gerado mimos demasiados, garantido aos pequineses este temperamento tipicamente aristocrático.
Pequinês que é Pequinês sabe, e exige que seja tratado com nobreza.

Foi usado no cinema para fazer referência ao luxo.


Em tempos modernos Marilyn Monroe foi fotografada com seu exemplar.




E hoje empresta a nobreza à marca Gucci







Esta foto tirei do Blog da Madah.


 Tomara que algum publicitário de Curitiba tenha a idéia de usar Ramon e Dodi em uma campanha. Garanto que são ótimos modelos caninos.


Obs: Ao fundo minha Arvore de Natal.
Mais algumas fotos.





Em 06 de novembro de 1957, em Manhattan, New York, New York, EUA --- chega  Shapely Jayne Mansfield, voltando de sua turnê triunfante fez aparições na Europa, sempre acompanhada de seu pequinês, "Power Puff" .
Esta tirei no Muller.

3 comentários:

  1. Pra variar mais uma crônica criativa e cultural! O Dodi poderia fazer trabalho de modelo e manequim canino!!!! Como ele é belo e chique! E o Ramon poderia fazer o "bebê johnson" canino!!!! Como ele é gracioso e luxuoso!!

    ResponderExcluir
  2. Ah, Maurício, adorei sua pesquisa, o que reforça nossos comentários sobre essa raça maravilhosa! Continuemos a mostrar mais sobre o assunto. Valeu.

    ResponderExcluir
  3. Agora Madah está certo rsrs!!!!

    ResponderExcluir